Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Lucro da General Electric em 2004 afectados por pensões e turbinas

A General Electric, um dos maiores conglomerados do mundo, disse hoje que os seus lucros vão aumentar em 2004, através do menor contributo dos resultados com os fundos de pensões e da diminuição de vendas de turbinas.

Ana Filipa Rego arego@negocios.pt 19 de Novembro de 2003 às 15:45
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

A General Electric, um dos maiores conglomerados do mundo, disse hoje que os seus lucros vão aumentar em 2004, através do menor contributo dos resultados com os fundos de pensões e da diminuição de vendas de turbinas.

Os resultados líquidos que a empresa espera obter, em 2004, situam-se entre os 1,55 dólares e 1,65 dólares por acção.

Os analistas tinham previsto um aumento de 1,55 dólares por acção, para este ano, e de 1,65 dólares por acção para o próximo. A menor rentabilidade do fundo de pensões da empresa, uma das maiores do mundo, é uma das principais razões para os menores lucros previsto para o ano.

A General Electric prevê que os seus lucros registem o menor crescimento da década, este ano, mas espera o regresso das taxas de crescimento com dois dígitos em 2005.

As acções da General Electric seguiam a subir 2,29% para 29,09 euros.

Ver comentários
Outras Notícias