Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Lucros da Lowe aumentam 42% no segundo trimestre

Os lucros da Lowe, fabricante de electrodomésticos, aumentaram 42% no segundo trimestre, acima do esperado pelos analistas, impulsionados pela abertura de novas lojas e o controlo das despesas.

Ana Torres Pereira atp@negocios.pt 19 de Agosto de 2002 às 13:36
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
Os lucros da Lowe, fabricante de electrodomésticos, aumentaram 42% no segundo trimestre, acima do esperado pelos analistas, impulsionados pela abertura de novas lojas e o controlo das despesas.

Os lucros da segunda maior retalhista de artigos para o lar aumentaram para os 467 milhões de dólares (474,7 milhões de euros), ou 59 cêntimos de dólar por acção, no segundo trimestre, divulgou a Lowe em comunicado. Os analistas estimavam que a empresa registasse lucros de 54 cêntimos por acção.

As vendas, neste período, treparam 22% para os 7,49 mil milhões de dólares (7,61 mil milhões de euros).

A Lowe tem vindo a abrir lojas em áreas metropolitanas, como Boston, o que conduziu ao aumento das receitas.

A empresa norte-americana, que tem 806 lojas, abriu mais 22 no segundo trimestre e tenciona inaugurar mais 20 neste trimestre, segundo revelou a mesma fonte.

A Lowe estima registar ganhos de 39 cêntimos de dólar por acção, em linha com o previsto pelos analistas.

A Lowe encerrou na sexta-feira a perder 3,03% para os 36,79 dólares (37,39 euros).

Outras Notícias