Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Lucros da Merck sobem 1,7% com redução de custos

Os lucros da Merck aumentaram 1,7% uma vez que a empresa reduziu os custos . As vendas ficaram pouco alteradas depois de um declínio nas receitas pelo seu medicamento mais importante, o Zocor, para combater o colesterol.

Ana Filipa Rego arego@negocios.pt 31 de Janeiro de 2006 às 13:07
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

Os lucros da Merck aumentaram 1,7% uma vez que a empresa reduziu os custos . As vendas ficaram pouco alteradas depois de um declínio nas receitas pelo seu medicamento mais importante, o Zocor, para combater o colesterol.

Os resultados líquidos da farmacêutica avançaram para 1,12 mil milhões de dólares (926 milhões de euros), ou 51 cêntimos de dólar por acção, contra 1,1 mil milhões de dólares (909 milhões de euros), ou 50 cêntimos de dólar por acção, em igual período do ano anterior.

As receitas ficaram estáveis nos 5,77 mil milhões de dólares (4,8 mil milhões de euros) o que compara com  5,75 mil milhões de dólares (4,8 mil milhões de euros) verificados no período homólogo.

Os lucros ficaram abaixo dos 62 cêntimos de dólar esperados pelos analistas consultados pelo Thomson Financial.

As vendas do Zocor caíram 18% no trimestre em análise. O presidente executivo da Merck, Richard Clark está a reduzir postos de trabalho e encerrar fábricas para poupar cinco mil milhões de dólares (826,89 milhões de euros) nos próximos quatro anos depois da queda nas receitas.

Ver comentários
Outras Notícias