Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Lucros da Philip Morris crescem 33% no primeiro trimestre

Os lucros da produtora de cigarros Philip Morris, que controla a Tabaqueira, cresceram 33% no primeiro trimestre, depois dos retalhistas norte-americanos terem armazenado grandes quantidades de cigarros em «stock» antes da empresa subir os preços.

Ricardo Domingos rdomingos1@gmail.com 17 de Abril de 2002 às 14:38
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
Os lucros da produtora de cigarros Philip Morris, que controla a Tabaqueira, cresceram 33% no primeiro trimestre do ano, depois dos retalhistas norte-americanos terem armazenado grandes quantidades de cigarros em «stock» antes da empresa subir os preços.

Os resultados líquidos da maior tabaqueira do mundo atingiram os 2,37 mil milhões de dólares (2,67 mil milhões de euros), ou 1,09 dólares por acção (1,23 euros). Excluindo alguns custos, a empresa teria registado lucros de 2,47 mil milhões de dólares (2,78 mil milhões de euros), ou de 1,14 dólares (1,28 euros) por acção, enquanto os analistas previam 1,13 dólares (1,27 euros) por título.

O volume de negócios da produtora da marca Marlboro aumentou 2,9% para os 20,5 mil milhões de dólares (23,08 mil milhões de euros), de acordo com um comunicado da empresa.

Os retalhistas norte-americanos compraram mais cigarros antes da Philip Morris e alguns rivais terem aumentado em 12 cêntimos os preços por maço de tabaco.

Os volumes de vendas para os retalhistas fora dos EUA cresceram 2,4%, devido a um aumento da procura na Europa de Leste e Ásia.

As acções da Philip Morris subiram ontem 0,96%.

Ver comentários
Outras Notícias