Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Lucros do Banco Popular aumentam 13% no terceiro trimestre

O Banco Popular Espanhol, detido em 5,1% por Américo Amorim, aumentou os lucros em 13% no terceiro trimestre depois da entidade bancária ter impulsionado os créditos a pequenas empresas e de ter aumentado os investimentos em fundos mútuos.

Sara Antunes saraantunes@negocios.pt 20 de Outubro de 2004 às 10:30
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

O Banco Popular Espanhol, detido em 5,1% por Américo Amorim, aumentou os lucros em 13% no terceiro trimestre depois da entidade bancária ter impulsionado os créditos a pequenas empresas e de ter aumentado os investimentos em fundos mútuos.

Os resultados líquidos ascenderam a 216,8 milhões de euros, o que compara com 191,6 milhões de euros um ano antes, anunciou o terceiro maior banco por activos de Espanha. As comissões de gestão dos fundos mútuos cresceram 20%.

O presidente executivo, Angel Ron, aumentou o pessoal especializado na venda de fundos mútuos nos últimos dois anos e concentrou os esforços do banco nos empréstimos a pequenas empresas numa altura em que o mercado de crédito à habitação tem vindo a abrandar.

O Popular está a aumentar os empréstimos a um ritmo mais acelerado do que a média do sector bancário. Os concorrentes internos da entidade são o Banco Sabadell e o Banco Espanhol de Crédito.

Estas três entidades bancárias centraram-se em empresas pequenas, que geralmente pagam taxas de juro mais altas quando comparadas com grandes empresas.

As acções do Popular subiam 0,94% para 44,13 euros.

Ver comentários
Mais lidas
Outras Notícias