Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Lufthansa elimina dividendo de 2003

A Deutsche Lufthansa, terceira maior companhia aérea da Europa, vai eliminar o seu dividendo de 2003, depois de ter feito uma provisão de 800 milhões de euros, maioritariamente devido à unidade de «catering», a LSG Sky Chefs.

Ana Filipa Rego arego@negocios.pt 25 de Fevereiro de 2004 às 11:54
  • Partilhar artigo
  • ...

A Deutsche Lufthansa, terceira maior companhia aérea da Europa, vai eliminar o seu dividendo de 2003, depois de ter feito uma provisão de 800 milhões de euros, maioritariamente devido à unidade de «catering», a LSG Sky Chefs.

O prejuízo da empresa alemã, em 2003, foi de 980 milhões de euros, contra os lucros de 716,8 milhões do ano anterior, disse a Lufthansa em comunicado ao mercado de Frankfurt, citada pela Bloomberg.

A provisão por causa da Sky Chefs, maior fornecedora mundial de «catering» (refeições confeccionadas e bebidas) a companhias aéreas, foi de cerca de 700 milhões de euros, num contexto de redução da actividade a seguir aos atentados do 11 de Setembro de 2001. A companhia reduziu mais de 8.000 postos de trabalho no negócio do ‘catering’ e encerrou algumas das suas operações.

Os resultados de 2004 «vão ser mais positivos» do que os de 2003, disse a administração da companhia aérea alemã. «Como resultado, haverá aumentos na capacidade de lugares oferecida e a adição de novas rotas está a ser planeada para o horário de Verão, depois de perdas significativas causadas pela crise no ano passado», acrescentou a mesma fonte.

As acções da Lufthansa seguiam a subir 0,49% para os 14,40 euros.

Outras Notícias