Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

MAN lança OPA de 9,6 mil milhões à Scania

A MAN, fabricante alemão de camiões, lançou uma oferta pública de aquisição (OPA) sobre a Scania para criar a maior fabricante europeia de veículos comerciais, num negócio que avalia a empresa sueca em 9,6 mil milhões de euros.

Paulo Moutinho 18 de Setembro de 2006 às 08:09
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

A MAN, fabricante alemão de camiões, lançou uma oferta pública de aquisição (OPA) sobre a Scania para criar a maior fabricante europeia de veículos comerciais, num negócio que avalia a empresa sueca em 9,6 mil milhões de euros. A administração do construtor sueco já rejeitou a oferta.

A MAN ofereceu 0,151 novas acções ordinárias e 38,35 euros em dinheiro por cada acção da Scania, de acordo com o prospecto de OPA hoje emitido. No total, a oferta da fabricante alemão é de 48 euros por acção, o que representa um total de 9,6 mil milhões de euros.

De acordo com o mesmo documento, citado pela agência Bloomberg, a MAN irá financiar a aquisição da Scania através das suas reservas monetárias e do recurso ao crédito junto da banca.

"A Scania e a MAN são duas companhias lucrativas" afirmou o CEO da MAN, Hakan Samuelsson, acrescentando que "o novo grupo será um campeão europeu e um ‘player’ internacional bem posicionado para atingir um crescimento lucrativo nos mercados existentes e nos novos mercados".

Num comunicado emitido hoje, a administração da Scania afirmou que rejeita de forma unânime a proposta da MAN, sem avançar razões.

Na semana passada, as acções da Scania dispararam para máximo histórico com a expectativa de que esta oferta pudesse surgir.

A própria Scania afirmou na altura que tinha recebido informações que levavam a empresa a considerar que "existem razões para assumir que a MAN irá apresentar uma oferta de compra" pela empresa.

Ver comentários
Outras Notícias