Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Media Capital mantém hipótese de suspensão da oferta ADSL

A Media Capital mantém a posição de que caminha aceleradamente para a suspensão da oferta de ADSL por considerar que a decisão divulgada hoje pela Anacom mantém intactos os pressupostos de que não há margem para continuar o negócio, disse ao Canal de Negó

Negócios 14 de Novembro de 2003 às 18:18
  • Partilhar artigo
  • ...

A Media Capital mantém a posição de que caminha aceleradamente para a suspensão da oferta de ADSL por considerar que a decisão divulgada hoje pela Anacom mantém intactos os pressupostos de que não há margem para continuar o negócio, disse ao Canal de Negócios o responsável da empresa Manuel Castelo Branco.

«O preço promove o esmagamento das margens. Com esse preço, a Media Capital continua a caminhar aceleradamente para a suspensão do ADSL», disse ao Canal de Negócios (www.negocios.pt) Miguel Castelo Branco, salientando que «não há margem neste negócio» tanto pela oferta grossista da PT como pela anunciada oferta a retalho.

A PT anunciou hoje uma oferta de ADSL a 26,5 euros por 10 horas de navegação e 1,5 por hora adicional. Ora, a oferta grossista prevê um preço de 11 euros (mais IVA) pelas 10 horas de navegação e de 0,84 euros (mais IVA) por hora extra.

Por isso, Manuel Castelo Branco garante que «estão intactos os pressupostos de que há esmagamento das margens, abuso de posição dominante e práticas comerciais abusivas. A oferta grossista não é adequada às necessidades dos consumidores».

A Media Capital tem, actualmente, cerca de dois mil clientes de ADSL.

Ver comentários
Outras Notícias