Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Medtronic compra a irlandesa Covidien por 42,9 mil milhões de dólares

A segunda maior fabricante de dispositivos médicos do mundo pretende que o negócio lhe traga vantagens fiscais e músculo para competir com o seu principal rival, a Johnson & Johnson.

A carregar o vídeo ...
Medtronic Agrees to Buy Covidien for $42.9B
Rita Faria afaria@negocios.pt 16 de Junho de 2014 às 09:35
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...

A Medtronic, a segunda maior fabricante mundial de dispositivos médicos, vai comprar a irlandesa Covidien Plc por 42,9 mil milhões de dólares (31,6 mil milhões de euros).

 

A empresa norte-americana vai pagar o equivalente a 93,22 dólares por cada acção da Covidien, o que representa um prémio de 29% face à cotação de fecho da passada sexta-feira (13 de Junho), que foi de 72,02 dólares, de acordo com um comunicado conjunto das empresas, citado pela Bloomberg. A empresa que resultará da fusão, a Medtronic Plc, terá sede na Irlanda (país de origem da Covidien) para efeitos fiscais.

 

Este é o maior negócio de sempre para a Medtronic, que dá à empresa acesso ao portefólio de materiais hospitalares da Covidien, desde agrafadores cirúrgicos a ventiladores, e acrescenta dimensão e alcance à norte-americana para competir com a Johnson & Johnson, a maior empresa de dispositivos médicos do mundo.

 

Ao mesmo tempo, a utilização do endereço irlandês da Covidien poderá evitar que os quase 14 mil milhões de dólares em dinheiro que a Medtronic detém, actualmente, no exterior, sejam tributados sob a lei dos Estados Unidos, escreve a Bloomberg.

 

De acordo com o CEO da Medtronic, Omar Ishrak, a principal motivação do negócio prende-se com o "alinhamento estratégico e operacional", que conduzirá a uma oferta melhorada para "pacientes e clientes de todo o mundo".

Ver comentários
Saber mais Covidien Plc Medtronic Plc Irlanda Johnson & Johnson Estados Unidos Omar Ishrak
Outras Notícias