Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Membro do Conselho de Administração da Siemens preso por suspeita de suborno

Johannes Felmayer, membro do Conselho de Administração da Siemens, foi hoje preso pelas autoridades alemãs por suspeita de suborno.

Ana Luísa Marques anamarques@negocios.pt 27 de Março de 2007 às 16:08
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

Johannes Felmayer, membro do Conselho de Administração da Siemens, foi hoje preso pelas autoridades alemãs por suspeita de suborno.

A Siemens confirmou esta tarde a detenção de Felmayer, o mais antigo membro do Conselho de Administração da multinacional alemã e o segundo mais bem pago a seguir ao presidente-executivo, Klaus Kleinfeld, por suspeitas de suborno. Felmayer é acusado de ter feito pagamentos ilegais ao presidente de um sindicato há seis anos.

Felmayer não é o único executivo da Siemens que está a ser investigado mas é o primeiro, ainda em funções, a ser detido no âmbito desta investigação. Nos últimos meses, as autoridades alemãs também questionaram o antigo director financeiro da empresa, Heinz-Joachim Neubuerger.

No entanto, no âmbito de um outro processo, um antigo membro do CA da Siemens, Thomas Ganswindt, foi preso no passado mês de Dezembro. Este caso, que começou a ser investigado em 2004 no Liechtenstein, envolve colaboradores da Siemens em alegado desvio de fundos, suborno e branqueamento de capitais. As autoridades do Liechtenstein acreditam que este dinheiro foi usado para subornos relacionados com actividades da área de telecomunicações da empresa na Ásia, África e Europa. Cerca de 7,6 milhões de euros poderão ter sido canalizados através de contas de bancos do principado.

No passado mês de Janeiro, um antigo executivo da Volkswagen foi condenado a dois anos de pena suspensa e uma multa de 576 mil euros por ter aprovado pagamentos ilegais destinados ao presidente de um sindicato.

Ver comentários
Outras Notícias