Telecomunicações Meo reforça liderança nos pacotes de telecomunicações

Meo reforça liderança nos pacotes de telecomunicações

No primeiro semestre a adesão aos pacotes de serviços cresceu 3,8% para 3,95 milhões de subscritores. A Meo é a líder do segmento em número de clientes, enquanto a Nos lidera nas receitas.
Meo reforça liderança nos pacotes de telecomunicações
Sara Ribeiro 12 de setembro de 2019 às 09:41

O número de portugueses que subscreve pacotes de serviços de telecomunicações continua a acrescer. De acordo com os últimos dados divulgados pela Anacom, no final de junho havia 3,95 milhões de subscritores, o que representa um aumento de 3,8% face aos dados do primeiro semestre de 2018.

No período em análise, as ofertas quadruple e quintuple pay – compostas por banda larga fixa, serviço fixo de telefone, TV por subscrição, serviço telefónico móvel e banda larga móvel no caso do 5P – são os mais procurados com 1,86 milhões de subscritores. Um número que representa 47% do total de clientes destes serviços. Seguem-se as ofertas triple Play (banda larga fixa, serviço fixo de telefone, TV por subscrição) com 1,64 milhões de subscritores (41,6% do total da base de clientes).

No que toca à quota de mercado, a Meo reforçou a liderança ao crescer 0,2 pontos percentuais para 40,7%. A Nos fechou o semestre com uma quota de 36,9%, menos 0,8 pontos percentuais, enquanto a Vodafone cresceu 1 ponto percentual para 18,3%. O Grupo Nowo/Onitelecom, que recentemente foi comprado pela MásMovil, alcançou uma quota de 4%, que corresponde a uma queda de 0,5 pontos percentuais.

Analisando as quotas por receitas, que no total cresceram 3% para 810 milhões de euros, a Nos era a operadora que dispunha da maior percentagem: 41,8%. A operada liderada por Miguel Almeida é seguida de perto pela Altice Portugal, dona da Meo, que fechou o semestre com 41,4% do total das receitas dos serviços em pacote.

"Face ao período homólogo, a Vodafone apresentou no primeiro semestre de 2019 um aumento de quota de receitas de 1,2 pontos percentuais, por contrapartida da redução verificada na MEO (0,6 pontos percentuais) e no Grupo Nowo  (0,6 pontos percentuais)", sublinha a Anacom no relatório publicado no seu site.




Marketing Automation certified by E-GOI