Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

México diz que reversão das concessões da Carris e Metro afecta relações entre os dois países

O embaixador mexicano em Portugal fala de uma "importante preocupação" do seu Governo pela reversão das subconcessões da Carris e do Metro de Lisboa ganhas pela Avanza. 

Bruno Simão/Negócios
Maria João Babo mbabo@negocios.pt 02 de Fevereiro de 2016 às 19:30
  • Assine já 1€/1 mês
  • 5
  • ...

A embaixada do México em Portugal realçou esta terça-feira, num comunicado, que o "repentino cancelamento"  do concurso público para a subconcessão da Carris e do Metro de Lisboa, ganho pela Avanza, do grupo mexicano ADO, "gerou uma importante preocupação do Governo do México e incerteza entre os investidores mexicanos, afectando as relações económicas  entre os dois países".

 

O embaixador Alfredo Pérez Bravo, que participou num evento organizado pela Câmara de Comércio e Indústria Luso-Mexicana, expressou aos membros desta entidade "confiança de que esta situação de resolva brevemente", de forma a que "se retome o bom curso que têm tido as relações entre os actores económicos do México e de Portugal".

 

No mesmo comunicado, a embaixada sublinha que os avanços nas relações económicas entre os dois países foram realçados por Pérez Bravo no mesmo evento, onde o embaixador também salientou o crescimento nos últimos meses da presença de empresas portuguesas no México, "onde encontraram o apoio das autoridades mexicanas e segurança jurídica nos seus investimentos".

 

O Governo de António Costa decidiu reverter todos os processos de subconcessão das empresas de transporte de Lisboa e no Porto. No caso da Carris e do Metro do capital, o concurso foi ganho pela Avanza, do grupo mexicano ADO, que tem criticado a decisão do Executivo de anular os contratos assinado e ameaça levar o diferendo para o tribunal arbitral internacional.

Ver comentários
Saber mais embaixada do México Portugal Alfredo Pérez Bravo Câmara de Comércio e Indústria política diplomacia
Mais lidas
Outras Notícias