Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Lucros da Microsoft caem 7% no quarto trimestre penalizados por compra da Nokia

A Microsoft reportou um resultado líquido ligeiramente abaixo das expectativas dos analistas. A pressionar esteve a aquisição da unidade móvel da Nokia, onde cerca de 12.500 empregos serão eliminados.

A carregar o vídeo ...
Microsoft’s 4Q Revenue Beats Estimates
Bloomberg TV 23 de Julho de 2014 às 01:52
  • Partilhar artigo
  • 1
  • ...

Os lucros da Microsoft no seu quarto trimestre fiscal, terminado a 30 de Junho, ascenderam a 4,61 mil milhões de dólares, ou 55 cêntimos por acção, já incluindo os ajustamentos relacionados com a Nokia, anunciou a empresa em comunicado. Os analistas apontavam para um lucro médio de 60 cêntimos por acção.

 

A queda dos lucros foi assim de 7%, já que no período homólogo do ano passado o resultado líquido tinha sido de 4,97 mil milhões de dólares.

 

Excluindo os ajustamentos relacionados com a Nokia e com os impostos, os lucros teriam sido de 66 cêntimos por acção, superando a estimativa média de 64 cêntimos.

 

O CEO da empresa, Satya Nadella, que assumiu o cargo em Fevereiro passado, debate-se para cortar custos na Nokia, depois de em Abril ter concluído a aquisição da unidade móvel da empresa finlandesa por 7,33 mil milhões de dólares (5,44 mil milhões de euros), sublinha a Bloomberg.

 

Segundo a Microsoft, a sua unidade da Nokia perdeu 692 milhões de dólares. Na semana passada, a empresa anunciou que irá reduzir 18.000 postos de trabalho, a maior ronda de cortes na sua história de 39 anos. Desse total, 12.500 empregos serão eliminados na unidade móvel da Nokia.

 

As receitas ainda por obter, que provêem das vendas de acordos multianuais que serão reconhecidas no futuro, foram de 25,2 mil milhões no quarto trimestre, contra a média de 24,5 mil milhões esperada pelos analistas, referiu a empresa no seu comunicado de divulgação de contas.

 

As acções da Microsoft, que fecharam a sessão de terça-feira pouco inalteradas face à véspera, nos 44,83 dólares, seguem agora, na negociação fora do horário regular, praticamente no mesmo valor.

Ver comentários
Outras Notícias