Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Miguel Almeida põe operações na Madeira e Açores no limbo

O preço que tem de pagar pelas ligações, via cabos de submarino, às regiões autónomas é "inaceitável", diz Miguel Almeida que afirma que a Nos Madeira e a Nos Açores assim não são sustentáveis.

Pedro Elias/Negócios
Alexandra Machado amachado@negocios.pt 20 de Novembro de 2014 às 19:10
  • Assine já 1€/1 mês
  • 4
  • ...

A Nos tem participação accionista na Nos Madeira e Nos Açores. Miguel Almeida, presidente da Nos, diz que "a Madeira e Açores correm o risco de ficar isolados da sociedade digital" por causa dos preços que se tem de pagar pelas ligações em cabos submarinos aos arquipélagos. 

 

E até deixa a interrogação: "É subjectivo se foi a PT que os pagou". Os cabos submarinos são propriedade da PT e os preços têm sido alvo de queixas dos outros operadores. A Anacom já disse que a questão irá ser resolvida em breve.

 

As tarifas são, segundo Miguel Almeida, "inaceitáveis" e, por isso, "estamos a pensar o que vamos fazer com essas empresas -  Nos Madeira e Nos Açores - porque não são sustentáveis".

Ver comentários
Saber mais Miguel Almeida Nos telecomunicações APDC
Outras Notícias