Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Millennium revê em alta preço-alvo para a PT após venda da Méditel

O Millennium investment banking aumentou o preço-alvo da Portugal Telecom (PT) em 4,5% para os 8,15 euros para reflectir a venda da participação que operadora nacional tinha na Médi Telecom. A casa de investimento considera que a PT "vendeu um activo não estratégico por um preço muito interessante".

Sara Antunes saraantunes@negocios.pt 02 de Setembro de 2009 às 12:41
  • Assine já 1€/1 mês
  • 6
  • ...
O Millennium investment banking aumentou o preço-alvo da Portugal Telecom (PT) em 4,5% para os 8,15 euros para reflectir a venda da participação que operadora nacional tinha na Médi Telecom. A casa de investimento considera que a PT “vendeu um activo não estratégico por um preço muito interessante”.

Numa nota de análise, o Millennium reviu em alta o preço-alvo para a PT de 7,80 euros para os 8,15 euros, o que representa um potencial de valorização de 14,4% face ao actual valor das acções (7,124 euros). “Dado o potencial de subida das acções” a recomendação da casa de investimento é de “comprar”.

A operadora liderada por Zeinal Bava anunciou ontem a venda de 32% da Méditel por 400 milhões de euros, o que corresponde a uma mais-valia de 270 milhões de euros.

O valor da operação foi considerado pela generalidade dos analistas de “atractivo” e o Millennium não foge à regra.


“Basicamente a PT vendeu um activo não estratégico por um preço muito interessante, fornecendo à empresa dinheiro necessário”, o que para a analista Alexandra Delgado representa “um negócio muito bom para a empresa”.

A venda desta posição no capital da operadora marroquina fez com que o Millennium “actualizasse o modelo de avaliação”.

A casa de investimento acredita que a PT vai usar parte do valor registado com esta operação na redução da dívida além de “reforçar a posição de capital” da operadora.

As acções da Portugal Telecom descem 2,01% para os 7,124 euros.

Ver comentários
Outras Notícias