Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Mota-Engil compra mais 12,89% da Indáqua por 4,4 milhões

A Mota-Engil Ambiente e Serviços, «holding» do Grupo para a Área de Ambiente, reforçou a sua presença no sector das águas adquirindo, «em conjunto com os restantes parceiros portugueses», 12,86% de títulos da Indáqua e dos respectivos empréstimos, através

Ana Filipa Rego arego@negocios.pt 03 de Janeiro de 2005 às 18:01
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

A Mota-Engil Ambiente e Serviços, «holding» do Grupo para a Área de Ambiente, reforçou a sua presença no sector das águas adquirindo, «em conjunto com os restantes parceiros portugueses», 12,86% de títulos da Indáqua e dos respectivos empréstimos, através de um investimento global de 4,4 milhões de euros, revelou a maior construtora nacional em comunicado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

Segundo a mesma fonte, as acções adquiridas eram detidas pelas sociedades de direito de inglês Severn Trent Water Internacional e Severn Enterprises.

A Indáqua, «veículo do Grupo Mota-Engil para o segmento de tratamento e distribuição de água e saneamento», «passa assim a ser detida pela Mota-Engil Ambiente e Serviços (42,86%) e pelos Grupos Soares da Costa e Adriano-Monte & Monte».

O comunicado revela ainda que «o Grupo Indáqua, de que fazem parte, para além da holding Indáqua, SA, a Indáqua-Feira, a Indáqua Sto.Tirso e a Indáqua Fafe», detém já três concessões de abastecimento de água correspondentes a uma população servida superior a 120.000 habitantes e um volume de negócios de mais de 10 milhões de euros em 2004 (12,7 milhões de euros esperados em 2005) e EBITDA acima de três milhões de euros em 2004 (4,7 milhões de euros esperados em 2005).

A estas concessões «espera-se que se venham a juntar novos municípios, cujos processos de concurso estão em fase final de adjudicação», acrescenta a mesma fonte.

As acções da Mota-Engil [egl] fecharam a subir 1,52% para 2,01 euros.

Ver comentários
Outras Notícias