Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Mota-Engil entre as candidatas à construção de um troço de auto-estrada na Hungria

A construtora portuguesa Mota-Engil, a austríaca Strabag e a alemã Bilfinger Berger estão entre as candidatas à adjudicação de um contrato para a construção de um troço de auto-estrada na Hungria, anunciou hoje o governo de Budapeste.

Negócios com Lusa 05 de Fevereiro de 2008 às 14:26
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

A construtora portuguesa Mota-Engil, a austríaca Strabag e a alemã Bilfinger Berger estão entre as candidatas à adjudicação de um contrato para a construção de um troço de auto-estrada na Hungria, anunciou hoje o governo de Budapeste.

Grupos liderados por estas sociedades, assim como um consórcio presidido pelo austríaco Swietelsky, estão em competição para construir e financiar 65,1 quilómetros de auto-estrada, e assegurar a sua manutenção por 30 anos, indicou o ministério da Economia húngaro num comunicado hoje divulgado por correio electrónico e citado pela Lusa.

Os países de Leste da União Europeia, tais como a Hungria, República Checa e Eslováquia, têm reforçado os investimentos em estradas, melhorando as respectivas redes rodoviárias para atingir os padrões em vigor na UE, que apoia alguns destes projectos.

A Hungria duplicou a sua rede de auto-estradas desde 2002 e tem mais projectos de expansão. O contrato referido diz respeito à parte da ligação entre Budapeste e a cidade de Pecs, no Sul, a uma distância de 200 quilómetros.

O contrato é avaliado em 150,2 mil milhões de forints (582,9 milhões de euros).

Outras Notícias