Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Mota-Engil ganha obras na América Latina no valor de 335 milhões de euros

A construtora anunciou esta segunda-feira a adjudicação de quatro contratos no México, Brasil, Peru e Colômbia, que acrescentam à carteira de encomendas cerca de 335 milhões de euros.

Rita Faria afaria@negocios.pt 28 de Julho de 2014 às 17:55
  • Assine já 1€/1 mês
  • 6
  • ...

A Mota-Engil anunciou esta segunda-feira, 28 de Julho, em comunicado emitido à Comissão do Mercados de Valores Mobiliários (CMVM), a adjudicação de quatro contratos na América Latina, que adicionam à carteira de encomendas da empresa liderada por Gonçalo Moura Martins (na foto) cerca de 335 milhões de euros.

 

Ao consórcio liderado pela Mota-Engil México foi adjudicado o contrato para a construção da segunda fase do Metro ligeiro de Guadalajara, no Estado de Jalisco, no valor global de 230 milhões de euros. A obra, que foi agora adjudicada, faz a ligação com a primeira fase já adjudicada ao mesmo consórcio e compreende a construção de um túnel ferroviário de quatro quilómetros de extensão e cinco estações subterrâneas incluindo um terminal intermodal de transportes.

 

Outra obra foi adjudicada pelo Governo do Brasil, através da DNIT (Departamento Nacional de Infra-estrutura de Transportes) ao consórcio participado em 48,75% pela sucursal brasileira da Mota-Engil, e que consiste na duplicação da estrada BR-101/BA, no Estado da Baía, com uma extensão 83,58 quilómetros. O valor do contrato é de 142 milhões de euros, sendo cerca de 70 milhões de euros a parte atribuível à Mota-Engil.

 

A construtora ganhou ainda o concurso para as obras de modernização do porto de Talara, em Piura, no Peru, pelo montante de cerca de 20 milhões de euros, e para a construção do Laboratório Reficar, em Cartagena das Índias, na Colômbia, pelo valor de 15 milhões de euros. 

Ver comentários
Saber mais Mota-Engil Comissão do Mercados de Valores Mobiliários CMVM América Latina construção e obras públicas Colômbia Peru Brasil
Outras Notícias