Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Motorola acusa Huawei de espionagem industrial

A Motorola processou a Huawei por alegadamente conspirar com antigos trabalhadores da empresa para roubar segredos de comerciais.

Motorola acusa Huawei de espionagem industrial
Ana Catarina Gonçalves 22 de Julho de 2010 às 12:08
A produtora americana de telemóveis enfrenta a sua rival chinesa acusando-a de receber informação confidencial pelo menos desde 2001 num processo iniciado no passado 16 de Julho, em Chicago.

Segundo a Bloomberg, a Motorola afirma na sua queixa que um engenheiro da empresa partilhou informação sobre um novo transceptor [dispositivo que combina um transmissor e um receptor ] e outra tecnologia da empresa com Ren Zhengfeim fundador da Huawei.

E como prova, a Motorola afirma ter recuperado um e-mail com a transmissão de documentos sobre o produto da empresa, considerados confidenciais, à produtora chinesa.

“A queixa não tem fundamento nem mérito. (…) A Huawei vai defender-se vigorosamente contra estas alegações sem bases”, afirmou Charlie Chen, vice-presidente de marketing para a América do Norte da Huawei num e-mail, citado pela agência de informação.

Segundo a queixa da Motorola, a “Huawei e os seus oficiais sabiam que estavam a receber segredos de comércio da Motorola roubados e informação confidencial sem a autorização ou consentimento da Motorola”, cita a Bloomberg.

Esta acusação surge dois anos depois de a empresa americana ter processado cinco dos seus trabalhadores por alegadamente entregarem segredos de comércio à Huawei quando saíram da Motorola para se juntarem à Lemko Corp., que tem um acordo de revenda com a empresa chinesa.

Ver comentários
Outras Notícias
Publicidade
C•Studio