Transportes Novos autocarros da Carris começam a chegar na segunda metade de 2018

Novos autocarros da Carris começam a chegar na segunda metade de 2018

O presidente da Carris garante que o número de quilómetros e de linhas ao serviço da cidade de Lisboa vai ser crescente a partir de agora. No segundo semestre de 2018 começam a chegar os primeiros 250 novos autocarros.
A carregar o vídeo ...
Maria João Babo Rosário Lira 11 de novembro de 2017 às 21:00

A partir do próximo ano e até 2020 a empresa de transporte público de Lisboa vai receber 250 novos autocarros. Já os 30 novos eléctricos chegarão mais tarde, já que dependem do planeamento da autarquia para a colocação dos carris.

 

Em entrevista ao Negócios e Antena 1, Tiago Farias, presidente da Carris, empresa que em Fevereiro passou para as mãos da Câmara de Lisboa, sublinhou que os concursos para a aquisição dos 250 novos autocarros, dos quais 165 a gás natural, "estão a decorrer", prevendo que os primeiros veículos "comecem a a chegar no segundo semestre de 2018".

Relativamente aos eléctricos, frisou que além de 20 articulados modernos vão ser também comprados 10 históricos, os quais permitem à empresa "fortalecer o serviço em linhas que são extremamente populares para os turistas".

Os planos da Carris passam ainda por lançar uma linha que irá do Cais do Sodré até às Amoreiras e Campolide, que Tiago Farias diz esperar conseguir materializar nos próximos quatro anos.

Depois do arranque em Julho de quatro das 21 carreiras de bairro anunciadas pela Carris, o responsável acredita que no final de 2018, início de 2019, todas possam estar no terreno.