Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Núcleo português tem a vitória da Vivo na mão (act.)

Com 62% do capital a votar na Assembleia Geral, muito menos do que se esperava, o "núcleo duro" português chega para decidir a vitória hoje. Bastam 31%, o que é confortável para os portugueses. E a vitória encaminha-se para ser a venda. Veja quem vai decidir.

Núcleo português tem a vitória da Vivo na mão (act.)
Negócios negocios@negocios.pt 30 de Junho de 2010 às 11:29
  • Partilhar artigo
  • 14
  • ...
Com 62% do capital a votar na Assembleia Geral, muito menos do que se esperava, o "núcleo duro" português chega para decidir a vitória hoje. Bastam 31%, o que é confortável para os portugueses. E a vitória encaminha-se para ser a venda. Veja quem vai decidir.

A percentagem de 31% está dentro do raio garantido pelo "núcleo duro" português, que tem formalmente 27% da empresa mas que terá garantidos perto de 35% dos votos, entre as suas próprias participações e as de aliados.

Não serão pois os investidores financeiros internacionais a decidir a venda, mas sim o "núcleo duro" BES, CGD/Estado, Ongoing, Visabeira, Controlinveste e aliados. Se ele se mantiver coeso.


Ver comentários
Outras Notícias