Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Nuno Amado: “Era bom que regressássemos aos mercados o mais rápido possível”

O presidente executivo do BCP defende que é “recomendável” que a emissão de dívida a 10 anos ocorra “logo que possível”.

Maria João Gago mjgago@negocios.pt 06 de Maio de 2013 às 19:37
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...

“Era bom que regressássemos aos mercados o mais rápido possível”, disse Nuno Amado durante a conferência de imprensa de apresentação dos resultados trimestrais do banco. Mas, sublinhou Nuno Amado, “para termos um acesso sustentável é importante mostrar que não vamos desperdiçar os últimos dois anos de sacrifícios. Temos de mostrar que o caminho se mantém”, afirmou Nuno Amado.

 

“As novas medidas de austeridade são um reflexo da decisão do Tribunal Constitucional”, que para Nundo Amado “não foi neutra”. “Há que aproveitar essa decisão para que haja redução da despesa pública”, defendeu Nuno Amada.

 

O líder do BCP admitiu que os “cortes são sempre difíceis” mas sublinhou que Portugal “não pode manter um nível de despesa superior à riqueza produzida”. Ainda assim, Amado alertou que Portugal tem que ter “mais economia e mais incentivos”. “A redução do défice é necessária mas temos que ter mais economia”, defendeu Nuno Amado.

Ver comentários
Saber mais Nuno Amado BCP
Mais lidas
Outras Notícias