Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

NYSE pode aumentar oferta sobre a Euronext

A New York Stock Exchange tem os meios necessários para aumentar o valor da oferta sobre a Euronext, afirmou o presidente da bolsa norte-americana em entrevista ao jornal francês “La Tribune”.

Susana Domingos sdomingos@negocios.pt 23 de Junho de 2006 às 10:38
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

A New York Stock Exchange tem os meios necessários para aumentar o valor da oferta sobre a Euronext, afirmou o presidente da bolsa norte-americana em entrevista ao jornal francês "La Tribune".

Questionado sobre o que faria caso a Deutsche Börse subisse o montante da oferta sobre a Euronext NV, John Thain afirmou que a entidade gestora da bolsa norte-americana tem 650 milhões de dólares disponíveis em «cash» e ausência de dívida, ou seja, tem meios para elevar o montante da oferta.

A NYSE ofereceu, no início de Junho, 7,78 mil milhões de euros pela aquisição da Euronext, um valor inferior aos mais de 8,6 mil milhões de euros propostos pela Deutsche Börse.

Ainda assim, o presidente da bolsa pan-europeia, Jean-François Théodore, continua a preferir a ligação transatlântica, devido, entre outros aspectos, ao facto da proposta vinda do outro lado do Atlântico privilegiar uma estrutura de carácter federalista.

Os esforços da Deutsche Börse para conseguir aliar-se à Euronext continuam e, na última semana, já foram anunciadas algumas cedências à proposta inicial de compra, entre as quais a proposta federalista. Diversos responsáveis políticos, como o presidente francês, Jacques Chirac, e a chanceler alemã, Angela Merkel, mostram-se mais favoráveis a uma consolidação ao nível das bolsas europeias. Na opinião pessoal de Jean-Claude Trichet, presidente do Banco Central Europeu, também seria preferível uma ligação entre a Deutsche Börse e a Euronext.

 

Responsáveis da Borsa Italiana reúnem-se hoje com a Euronext

Os responsáveis da Borsa Italiana vão reunir-se hoje com o presidente da Euronext, Jean-François Théodore, de acordo com a agência Bloomberg, que cita fonte da bolsa italiana. As duas praças encontram-se em negociações, com o objectivo de agregar a Bolsa de Milão ao grupo Euronext.

No entanto, a Borsa Italiana também está a ser alvo de interesse da Deutsche Börse, tendo afirmado que recebeu uma carta da praça alemã, com o intuito de encetar negociações para uma futura aliança.

Outras Notícias