Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Oposição "perplexa" com timing do caso Qimonda

A oposição diz que o Governo tem culpas nos despedimentos na Qimonda, "por ter criado falsas expectativas" e pelo "dinheiro público perdido", e não compreende o anúncio da extinção dos postos de trabalho logo após o fim do ciclo eleitoral.

Germano Oliveira 14 de Outubro de 2009 às 00:01
  • Partilhar artigo
  • 3
  • ...
A oposição diz que o Governo tem culpas nos despedimentos na Qimonda, "por ter criado falsas expectativas" e pelo "dinheiro público perdido", e não compreende o anúncio da extinção dos postos de trabalho logo após o fim do ciclo eleitoral.

O PCP considera que "as coincidências são coisas muito raras", o PSD argumenta que o anúncio dos despedimentos antes das eleições ia custar votos ao Governo e o Bloco de Esquerda diz estar "perplexo".

"Em política, nunca há coincidências. Este 'timing' do anúncio dos despedimentos, logo após o fim do ciclo eleitoral, deixa-nos perplexos", afirma Mariana Aiveca, deputada do Bloco de Esquerda. "Vamos questionar imediatamente o ministro das Finanças e da Economia, Teixeira dos Santos. É um processo inexplicável. O próprio primeiro-ministro assumiu que estava empenhado em encontrar uma solução", completa.

logo_empresas

Ver comentários
Outras Notícias