Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Passos "nega categoricamente" ter dado indicação ao GES para afastar Salgado

O primeiro-ministro reitera que não interferiu "nunca" na actividade do Grupo Espírito Santo, em reacção à notícia do Público que dá conta de que em 2013 Passos Coelho terá dado indicações para afastar Ricardo Salgado do BES.

Diogo Cavaleiro diogocavaleiro@negocios.pt 10 de Setembro de 2014 às 11:24
  • Assine já 1€/1 mês
  • 37
  • ...

Pedro Passos Coelho "nega categoricamente" ter dado indicações sobre o afastamento de Ricardo Salgado da presidência executiva do antigo Banco Espírito Santo.

 

"O gabinete do primeiro-ministro nega categoricamente que o Chefe do Governo tenha dado qualquer tipo de indicação ou orientação, de forma directa, através do Banco de Portugal ou por outra via, sobre a composição da equipa dirigente do Grupo Espírito Santo", indica o próprio gabinete de Passos Coelho num e-mail enviado às redacções.

 

Passos Coelho aproveitou o e-mail, devido ao surgimento de "especulações" que "carecem em absoluto de fundamento", para reafirmar que "o primeiro-ministro nunca interferiu na actividade do Grupo Espírito Santo".

 

O jornal Público escreve que Passos esteve reunido com o governador do Banco de Portugal Carlos Costa ainda em 2013, recebendo a mensagem de que Salgado deveria sair do BES. No artigo, Carlos Costa ter-se-á encontrando em São Bento com o primeiro-ministro, dando-lhe a indicação de que os problemas do grupo só seriam resolvidos com o afastamento de Ricardo Salgado.

 

Uma mensagem que terá sido, diz a publicação, transmitida pelo líder do Executivo ao órgão da cúpula do Grupo Espírito Santo, na altura o principal accionista do BES, o conselho superior do GES. Aliás, por esta altura, José Maria Ricciardi perfilou-se como candidato à liderança do banco, embora tenho saído derrotado do desafio ao primeiro.

 

Ricardo Salgado saiu do BES apenas em Julho de 2014. Passos Coelho diz nunca ter tido qualquer influência nesse processo nem em nenhum outro que envolve a actividade do grupo.

Ver comentários
Saber mais Grupo Espírito Santo Pedro Passos Coelho Ricardo Salgado Carlos Costa
Mais lidas
Outras Notícias