Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Passos: "Se BdP entende que esta não é a melhor oportunidade, respeitamos a decisão"

O primeiro-ministro disse desconhecer a vontade do Banco de Portugal em cancelar o actual concurso para a venda do Novo Banco. Mas, a ser tomada tal decisão, o governador "teve em conta o impacto que deveria ter no sistema bancário".

Correio da Manhã
Diogo Cavaleiro diogocavaleiro@negocios.pt 15 de Setembro de 2015 às 14:05
  • Partilhar artigo
  • 50
  • ...

Pedro Passos Coelho remeteu para o Banco de Portugal (BdP) qualquer decisão - e responsabilidade por ela - relativa à operação de venda do Novo Banco, nomeadamente o cancelamento da operação, possibilidade que tem sido avançada.

 

"A decisão do Banco de Portugal é uma decisão do Banco. Estou convencido de que é aquela que melhor protege o sistema bancário português", disse o primeiro-ministro, em declarações, em Portalegre, transmitidas pela CMTV. 


Contudo, o líder do Executivo disse desconhecer ainda qual a decisão do regulador. "Confio que o governador do Banco de Portugal, ao ter decidido isso, se decidiu, pensou, com certeza, no impacto que deveria ter no sistema bancário".

 

O primeiro-ministro declarou que o Governo esteve fora da determinação da venda do Novo Banco. "Foi estipulado pelo próprio Banco de Portugal e, se entende que esta não é a melhor oportunidade, respeitamos a decisão", disse.

 

O que Passos Coelho pediu é que não acusassem o Executivo de ter forçado a uma venda apenas depois das eleições legislativas, marcadas para 4 de Outubro. "Não andávamos a fazer força para que a venda fosse antes das eleições. Nunca fizemos tal pressão". Razão pela qual o primeiro-ministro disse que esperava que não acontecesse agora, caso haja o adiamento para depois da data. O processo de venda do Novo Banco foi aberto a 4 de Dezembro de 2014. 

No final da semana passada, o Banco de Portugal disse que "oportunamente" iria divulgar os resultados das negociações para a alienação do Novo Banco.

Ver comentários
Saber mais Passos Coelho Novo Banco Banco de Portugal
Outras Notícias