Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Patrão minhoto volta a dar férias tropicais e aumenta salário mínimo para 850 euros

Depois de destinos como Punta Cana ou Jamaica, o Departamento da Felicidade do grupo bracarense Bernardo da Costa, que emprega 239 pessoas e fatura 60 milhões de euros, prevê voltar às férias paradisíacas em junho próximo, depois de a pandemia ter determinado a conversão desta oferta em prémios anuais de 500 euros.

Ricardo Costa lidera o grupo Bernardo da Costa e a AEMinho.
Ricardo Costa lidera o grupo Bernardo da Costa e a AEMinho. D.R.
Rui Neves ruineves@negocios.pt 04 de Fevereiro de 2022 às 08:00
  • Partilhar artigo
  • 10
  • ...

Ricardo Costa, neto do fundador do grupo Bernardo da Costa, tornou-se conhecido dos portugueses por oferecer uma série de benefícios aos seus trabalhadores, entre os quais se destaca uma semana de férias em destinos tropicais. Depois de Punta Cana, Cuba, México, Jamaica e Cabo Verde, com a pandemia a determinar a conversão da viagem num prémio anual extra de 500 euros a cada funcionário, o pacote turístico volta à mesa do conglomerado

...

Negócios Premium
Conteúdo exclusivo para assinantes
Já é assinante? Inicie a sessão
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone
  • Conteúdos exclusivos com melhor da informação económica nacional e internacional;
  • Acesso sem limites, até três dispositivos diferentes, a todos os conteúdos do site e app Negócios, sem publicidade intrusiva;
  • Newsletters exclusivas;
  • Versão ePaper, do jornal no dia anterior;
  • Acesso privilegiado a eventos do Negócios;
Ver comentários
Saber mais Punta Cana Ricardo Costa Jamaica Bernardo da Costa Cuba México Cabo Verde Espanha Chief Happiness Officer Associação Empresarial do Minho Portugal
Mais notícias Negócios Premium
+ Negócios Premium
Capa do Jornal
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone Assinar 1€ por 1 mês
Mais lidas
Outras Notícias