Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Payshop lucra mais de um milhão no terceiro exercício

A Payshop terminou o seu terceiro exercício, em Junho, com lucros de 1,430 milhões de euros, mais do que triplicando os 447 mil euros conseguidos no ano anterior, comunicou os CTT – Correios de Portugal que concluíram a aquisição da empresa em 2004.

Negócios 09 de Agosto de 2005 às 15:08
  • Partilhar artigo
  • ...

A Payshop terminou o seu terceiro exercício, em Junho, com lucros de 1,430 milhões de euros, mais do que triplicando os 447 mil euros conseguidos no ano anterior, comunicou os CTT – Correios de Portugal que concluíram a aquisição da empresa em 2004.

A Payshop intermediou cobranças num total de 200 milhões de euros, que geraram comissões de 7,060 milhões. Este volume de negócios representa um crescimento homólogo de 74%. Os sete milhões superaram as estimativas da empresa que aguardava um volume de seis milhões para este ano.

O EBITDA representou 34% das vendas, ou seja, dois milhões de euros.

A rede de agentes Payshop cresceu de 1.464 para 2.050 no final do exercício que terminou em Junho, tendo o serviço sido utilizado mais de 22 milhões de vezes. A rede da Payshop cobre todo o território nacional, incluindo as regiões autónomas.

A Payshop será uma das empresas dos CTT a avançar para a internacionalização, estando já em Moçambique. Os CTT, juntamente com a Visabeira e grupos locais, lançaram A Payshop em Moçambique para ter uma rede de agências de pagamento nesse país. Depois de Moçambique, a Payshop começou a preparar outros destinos, nomeadamente no Leste europeu.

Em Portugal, a Payshop lançou o serviço de distribuição electrónica de títulos de transporte público na região de Lisboa. A Payshop diz ser «a maior rede com capacidade de escrita e leitura de cartões inteligentes e a única empresa a fazer distribuição electrónica dos cartões telefónicos PT Card e PT Hello».

Outras Notícias