Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Pfizer acorda pagar 1,6 mil milhões de euros por fraude

A norte-americana Pfizer vai pagar 2,3 mil milhões de dólares (1,6 mil milhões de euros) no maior acordo de fraude farmacêutica na história do Departamento de Justiça dos EUA. A Pfizer foi considerada culpada de crime de violação de práticas de marketing de medicamentos, de acordo com a imprensa internacional.

Sara Antunes saraantunes@negocios.pt 02 de Setembro de 2009 às 18:26
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
A norte-americana Pfizer vai pagar 2,3 mil milhões de dólares (1,6 mil milhões de euros) no maior acordo de fraude farmacêutica na história do Departamento de Justiça dos EUA. A Pfizer foi considerada culpada de crime de violação de práticas de “marketing” de medicamentos, de acordo com a imprensa internacional.

De acordo com a “BBC” online a Pfizer promoveu, ilegalmente, quatro medicamentos e efectuou falsas declarações para submeter os medicamentos aos programas de saúde governamentais para tratamentos para os quais não eram medicamente aceites.

“A dimensão e a seriedade desta resolução, incluindo a multa criminal gigantesca, reflectem a seriedade dos crimes da Pfizer”, afirmou o advogado Mike Loucks.

O montante total da multa inclui 1,3 mil milhões de dólares correspondentes à conclusão de uma investigação.
Ver comentários
Outras Notícias