Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Poiares Maduro continua a não se comprometer com prazos no QREN

Perante uma plateia de associações de empresários, o governante preferiu salientar as novas regras que salientam o controlo dos resultados.

Bruno Simão/Negócios
Alexandra Noronha anoronha@negocios.pt 01 de Dezembro de 2014 às 18:13
  • Partilhar artigo
  • 5
  • ...

O ministro-adjunto e do Desenvolvimento Regional, Miguel Poiares Maduro, voltou a não se comprometer com datas para a abertura formal da corrida aos fundos do QREN.

 

O governante, que esteve esta segunda-feira no Porto para participar na reunião do Conselho Superior da AEP (Associação Empresarial de Portugal), disse que tudo está dependente da aprovação do Programa Operacional e garantiu que está preparado para, numa questão de dias, ser aprovado o regulamento específico quando as condições estiverem reunidas.

 

Os empresários têm criticado a falta de informação do Governo quanto aos prazos para dar início às candidaturas.

 

Poiares Maduro prefere realçar que as novas regras do QREN para o horizonte 2020 vão ter em conta "resultados" e que inclusivamente os organismos públicos serão avaliados, correndo o risco de perder fundos ou mesmo ser exonerados se não cumprirem prazos nem apresentarem resultados.

 

Luis Miguel Ribeiro, vice-presidente da AEP, afirmou que as associações empresariais "precisam de ser dotadas de recursos financeiros para melhor desempenharem o seu trabalho". 

Ver comentários
Saber mais Miguel Poiares Maduro AEP QREN
Outras Notícias