Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Portugal vai devolver a Bruxelas 3 milhões dos fundos para o mar

A ministra do Mar revelou no Parlamento que a execução do Promar será da ordem dos 98%, admitindo assim que Portugal vai ter de devolver verbas a Bruxelas.

Ana Paula Vitorino - Mar: Na semana em que houve um Conselho de Ministros extraordinário, presidido por Cavaco Silva, dedicado à economia do mar, nenhum dos entrevistados pela Aximage nomeou Ana Paula Vitorino como a ministra de que se recorda. O que não impede que o nome desta licenciada em Engenharia Civil, ex-secretária de Estado dos Transportes na era Sócrates e casada com o braço direito de Costa, Eduardo Cabrita, seja mais citada como a pior da equipa governativa (0,7%) do que como a melhor (0,1).
Bruno simão
Maria João Babo mbabo@negocios.pt 03 de Maio de 2016 às 16:25
  • Assine já 1€/1 mês
  • 2
  • ...

A ministra do Mar, Ana Paula Vitorino, admitiu esta terça-feira no Parlamento que Portugal irá ter de devolver cerca de 3 milhões de euros a Bruxelas no âmbito do Promar, o Programa Operacional de Pescas 2007-2013.


A responsável, que falava na comissão de Agricultura e Mar,
adiantou que a taxa de execução deste programa do Quadro Comunitário anterior era, na data de tomada de posse deste Governo, de 76,8%.


"A execução final vai ficar próxima 98% tendo em conta os procedimentos de emergência que implementámos com os serviços para contemplar pagamentos que não estavam solicitados ao Ministério", afirmou Ana Paula Vitorino.


Sendo a estimativa de execução de 98%, os restantes 2% das verbas do Promar respeitam aos cerca de três milhões que serão devolvidos a Bruxelas.

Ver comentários
Saber mais Promar Portugal Ana Paula Vitorino ministra do Mar
Outras Notícias