Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Portugueses vão poder guardar numa "pen drive" todo o seu histórico clínico

Está em casa, faltam 15 minutos para a consulta e não encontra os documentos que a clínica lhe pediu e que são imprescindíveis para ser atendido. Em breve esta realidade pode mudar. A Mobilwave, uma pequena empresa portuguesa de médicos e engenheiros info

Miguel Prado miguelprado@negocios.pt 13 de Março de 2008 às 00:05
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

Está em casa, faltam 15 minutos para a consulta e não encontra os documentos que a clínica lhe pediu e que são imprescindíveis para ser atendido. Em breve esta realidade pode mudar. A Mobilwave, uma pequena empresa portuguesa de médicos e engenheiros informáticos, passou os últimos dois anos a desenvolver uma aplicação instalada numa "pen drive" que permitirá guardar em suporte electrónico todo o seu processo clínico.

Trata-se do ePCI, de "processo clínico electrónico individual". A Mobilwave conta começar a comercializar este produto no final de Abril, segundo revelou o presidente da empresa, Francisco Duarte, ao Jornal de Negócios.

A Mobilwave ainda não acertou todos os detalhes, mas prevê vir a colocar no mercado "pen drives" com capacidade entre um e oito gigabytes e preços entre 50 e 70 euros. Os canais de distribuição deverão ser principalmente os ligados à saúde, como as farmácias, embora a empresa admita também vir a vender o ePCI em balcões bancários e de correios.

Ver comentários
Outras Notícias