Banca & Finanças Possível entrada da Guiné Equatorial no Banif evita crivo da supervisão
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante, faça LOGIN

Possível entrada da Guiné Equatorial no Banif evita crivo da supervisão

A Guiné Equatorial mantém interesse no Banif e a gestão diz que pode ajudar a recomprar posição do Estado. Como já só quer investir 100 milhões, Estado africano ficará com menos de 8% do banco, dispensando aval do BdP e BCE.
Possível entrada da Guiné Equatorial no Banif evita crivo da supervisão
Miguel Baltazar/Negócios
Maria João Babo 04 de junho de 2014 às 00:01

A Guiné Equatorial mantém interesse em entrar no Banif, mas reduziu o montante que está disponível para investir de 133,5 milhões para 100 milhões de euros. Uma diferença que deverá dispensar

)

Conteúdo exclusivo para Assinantes Negócios Premium
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone Assinar por 1€ por 1 mês



Notícias só para Assinantes
Análise, informação independente e rigorosa..
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia.
Notícias e conteúdos exclusivos no website e aplicações móveis
Newsletter diária exclusiva para assinantes
Acesso ao epaper a partir das 23:00
Saiba mais
pub

Marketing Automation certified by E-GOI