Empresas Prejuízos da Martifer agravam-se para 13,9 milhões de euros

Prejuízos da Martifer agravam-se para 13,9 milhões de euros

Os prejuízos da Martifer aumentaram de 4,6 milhões para 13,9 milhões de euros no primeiro trimestre de 2013.
Prejuízos da Martifer agravam-se para 13,9 milhões de euros
Ana Luísa Marques 31 de maio de 2013 às 20:56

A empresa viu os seus prejuízos aumentarem de 4,6 milhões de euros, no primeiro trimestre de 2012, para os 13,9 milhões de euros nos três primeiros meses deste ano. Este resultado é explicado por um resultado financeiro negativo de 11,2 milhões de euros, face a 8,2 milhões de euros no período homólogo.

 

O aumento dos resultados financeiros “é totalmente explicado pelas perdas registadas em empresas associadas no primeiro trimestre de 2013 que passaram de 0,4 para 3,8 milhões de euros”.

 

O EBITDA da Martifer caiu de 10,3 milhões de euros para 2,6 milhões de euros devido a “custos registados na Austrália na área de Construção Metálica, relacionados com a reestruturação ainda em curso nesta geografia” e à “fraca performance no mercado dos Estados Unidos na Martifer Solar, que acabou por afectar a margem consolidada no negócio”.

 

A Martifer destaca ainda que o peso de Portugal no primeiro trimestre de 2013 foi de 12%, o que compara com 19% em 2012, e “mostra mais uma vez o resultado da forte estratégia de internacionalização do grupo”.




Saber mais e Alertas
pub

Marketing Automation certified by E-GOI