Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Presidente executivo da Ahold Foodservice pede demissão

O presidente executivo da unidade norte-americana Foodservice, da Ahold, pediu a sua demissão. Jim Miller sai da unidade Foodservice em plena investigação sobre a inflação de lucros em 880 milhões de dólares admitida pela Ahold.

Negócios negocios@negocios.pt 13 de Maio de 2003 às 14:53
  • Partilhar artigo
  • ...

O presidente executivo da unidade norte-americana Foodservice, da Ahold, pediu a sua demissão. Jim Miller sai da unidade Foodservice em plena investigação sobre a inflação de lucros em 880 milhões de dólares (762,96 milhões de euros) admitida pela Ahold.

Jim Miller, o presidente executivo da unidade norte-americana Foodservice, pertencente à Ahold - parceira holandesa da Jerónimo Martins - pediu a demissão. A unidade Foodservice está sob investigação pela inflação de lucros em 880 milhões de dólares (762,96 milhões de euros), anunciou hoje o grupo holandês de distribuição alimentar.

O conselho de supervisão da Ahold reuniu-se hoje antes da primeira assembleia geral de accionistas após o grupo ter divulgado que apresentou um lucro inflacionado. Foi discutido quem deve tomar a responsabilidade pelo escândalo contabilístico.

A Ahold, terceiro maior retalhista mundial, anunciou em Fevereiro último que o lucro da Foodservice foi inflacionado e que a companhia irá corrigir receitas de três anos. Desde o anúncio foram já despedidos vários responsáveis da companhia.

Jim Miller, que criou em 1989 a US Foodservice, sai agora desta empresa e do próprio conselho de administração do grupo Ahold. Robert Tobin, responsável pelas operações retalhistas da companhia nos EUA, será o presidente executivo interino da unidade de distribuição.

Ver comentários
Outras Notícias