Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Processo contra os CTT já está a correr em tribunal

O presidente do Banif, Horácio Roque, afirmou hoje que o processo contra os CTT, relacionado com o projecto do Banco Postal, já está a correr no tribunal, adiantando que, por enquanto, não se está a pedir uma indemnização mas a solicitar a continuidade do

Sara Antunes saraantunes@negocios.pt 31 de Julho de 2006 às 19:33
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

O presidente do Banif, Horácio Roque, afirmou hoje que o processo contra os CTT, relacionado com o projecto do Banco Postal, já está a correr no tribunal, adiantando que, por enquanto, não se está a pedir uma indemnização mas a solicitar a continuidade do banco por si gerido no projecto.

No início de 2005, os CTT e o Banif assinaram um acordo com vista à criação de um banco de retalho com o objectivo de relançar o Banco Postal.

Segundo Horácio Roque, o projecto da abertura do banco foi entregue ao Banco de Portugal e seguiu todos os trâmites até que os CTT «mudaram de conselho de administração» que passou a ter «outro projecto para o Banco Postal».

O presidente dos CTT, Luís Nazaré, revelou em Março deste ano, em entrevista ao Jornal de Negócios, que a operação para o lançamento do Banco Postal estará «montada antes do fim do ano».

Luís Nazaré, em entrevista, afirmou que o acordo firmado com a CGD é para cumprir e sublinha que uma «actividade financeira» é essencial para que os CTT possam criar as bases de um novo modelo de negócio.

«Sentimo-nos prejudicados» e o processo iniciado em tribunal visa «defender os direitos do protocolo com os CTT».

No processo em questão, o Banif não está a solicitar nenhuma indemnização, «o que pedimos é o cumprimento do projecto» que estava em curso. «Se não for possível pediremos uma indemnização», esclareceu Horácio Roque.

Em Setembro, Luís Nazaré, presidente dos CTT, disse que os Correios de Portugal acreditam que o Banif não tem base para contestar o exercício do direito de preferência por parte da Caixa Geral de Depósitos em relação ao Banco Postal.

Outras Notícias