Turismo & Lazer Promotores imobiliários de Nova Iorque criam hotel com micro-quartos

Promotores imobiliários de Nova Iorque criam hotel com micro-quartos

Os promotores imobiliários Oleg Pavlov e Seth Schumer acabam de finalizar a construção de dois edifícios em Manhattan. Agora vem a parte difícil: fazer com que uma nova marca de hotéis descole.
Promotores imobiliários de Nova Iorque criam hotel com micro-quartos
Reuters
Bloomberg 14 de agosto de 2016 às 11:00

A dupla Oleg Pavlov e Seth Schumer, ambos executivos da Quadrum Global, sedeada em Londres, pensou inicialmente juntar-se à norte-americana Commune Hotels & Resorts, de John Pritzker, para inaugurar propriedades sob a insígnia das micro-unidades Tommie, pertencente a esta empresa. Em vez disso, afastaram a ideia da Commune - e a fama da sua marca - e estão a criar a sua própria empresa de alojamento, a Arlo.

 

Os dois sócios "espremeram" 575 quartos, cada um com um máximo de 15 metros quadrados, repartidos por dois edifícios. O objectivo é maximizar os lucros num mercado em que os altos custos dos terrenos e o rápido crescimento da oferta de quartos estão a acabar com o poder de compra das operadoras e a reduzir os retornos dos promotores imobiliários.

 

Este ano, até Junho, as tarifas médias diárias por quarto na cidade de Nova Iorque caíram 3,3% em relação ao mesmo período de 2015, para 237,93 dólares, e a receita por quarto disponível - um indicador de desempenho usado pelo sector hoteleiro - desceu 3,2%, segundo a empresa de dados de alojamentos STR.

 

"Para que um projecto seja viável, é preciso cobrar uma quantia significativamente maior pelo mesmo quarto, posicionando-o no segmento de luxo, ou espremer mais quartos no mesmo terreno", salienta Pavlov, fundador e CEO da Quadrum, em entrevista. "Esperamos que os nossos hóspedes apreciem o facto de que, embora pequeno, o quarto tem tudo o que eles precisam. No fundo, replicamos um hotel sofisticado num pacote de menores dimensões".

 

Hudson Square

 

O primeiro Arlo, em Hudson Square, perto do Holland Tunnel, abrirá em 6 de Setembro, a tempo de receber hóspedes para a Semana de Moda de Nova Iorque. O segundo abrirá cerca de um mês depois. A Quadrum tem parceiros em regime de joint-venture em ambas as propriedades.

 

Para a noite de inauguração, um quarto com beliches no Arlo de Hudson Square ficará em 199 dólares e um quarto com uma cama de casal ‘queen’ e varanda terá o preço de 339 dólares, segundo o site Hotels.com. Todas as unidades têm TV de LED de 47 polegadas e os quartos com beliche contam com um aparelho para cada cama.

 

O espaço é apertado: a cama ‘king size’ toca as paredes em ambas as extremidades, os mini-bares são encaixados nas mesas-de-cabeceira e os pinos na parede são usados para pendurar as roupas. A mesa é uma prateleira retráctil presa à parede.

 

"A ideia é não passar o tempo no quarto", explica Schumer, chefe de investimento da Quadrum nos Estados Unidos. 




pub

Marketing Automation certified by E-GOI