Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

PT e Telefónica querem "matar" Vivo nesta Assembleia

Tanto a Portugal Telecom como a Telefónica querem "matar" o assunto da oferta espanhola para comprar a Vivo na Assembleia Geral de hoje. O Negócios sabe que, apesar da oferta de última hora, nenhuma das partes quer socorrer-se de adiamentos ou de ameaças de impugnação da Assembleia. É para decidir hoje.

Negócios negocios@negocios.pt 30 de Junho de 2010 às 00:37
  • Partilhar artigo
  • 6
  • ...
Tanto a Portugal Telecom como a Telefónica querem "matar" o assunto da oferta espanhola para comprar a Vivo na Assembleia Geral de hoje. O Negócios sabe que, apesar da oferta de última hora, nenhuma das partes quer socorrer-se de adiamentos ou de ameaças de impugnação da Assembleia. É para decidir hoje.

Nos últimos dias, têm surgido rumores de que os "batalhões" de advogados envolvidos no processo poderiam alegar alterações de circunstâncias ou mesmo da proposta para pedir adiamento da Assembleia Geral. Mas nenhuma das partes tem essa vontade, segundo fontes do nosso jornal. O que não garante que accionistas terceiros não façam propostas nesse sentido.

O Negócios sabe mesmo que a Telefónica escreveu ao presidente da Assembleia Geral, António Menezes Cordeiro, pedindo-lhe que resistisse a pedidos de adiamento da assembleia geral que eventualmente surgissem. Do lado da PT, a forma como feita a convocatória também permite votar esta nova proposta de 7,15 mil milhões de euros, mesmo não havendo tempo para o Conselho de Administração se pronunciar sobre esta nova proposta.

Já os riscos de impugnação da Assembleia Geral não estão excluídos, mas sempre em função do desenrolar dos trabalhos. À partida, PT não querem recorrer a jogadas de secretaria. É para encerrar a proposta de compra hoje.
Ver comentários
Outras Notícias