Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

PT quer quadruplicar oferta de ADSL sem aumentar preços

A Portugal Telecom propôs ao regulador quadruplicar a velocidade da sua oferta de retalho de ADSL sem aumento de preços, disse hoje Miguel Horta e Costa, presidente da operadora. De acordo com o mesmo responsável, seria manter o preço de retalho da oferta

Negócios 08 de Abril de 2005 às 19:35

A Portugal Telecom propôs ao regulador quadruplicar a velocidade da sua oferta de retalho de ADSL sem aumento de preços, disse hoje Miguel Horta e Costa, presidente da operadora. De acordo com o mesmo responsável, seria manter o preço de retalho da oferta de ADSL 512 Kbps, mas oferecer 2 Mbps.

A empresa pretende ainda estender a oferta este ano aos 4 Mbps e aos 8 Mbps para todo o país, chegando ao final do ano com uma oferta de 20 Mbps, explicou Zeinal Bava, administrador financeira da operadora.

A banda larga é uma das apostas prioritárias da operadora que diz que a PT Comunicações vai investir 225 milhões de euros este ano, incluindo em tecnologia para aumentar a velocidade da rede e reforçar a cobertura do ADSL.

Zeinal Bava salienta que actualmente 1,7 milhões de lares têm computadores pessoais, sendo a penetração da banda larga nesses lares de 72%. Zeinal Bava vê um potencial para a penetração de computadores nos lares de 2,5 a 2,6 milhões de lares.

Em Fevereiro, a PT ultrapassou os 750 mil clientes de banda larga, podendo ultrapassar este ano a fasquia do milhão de clientes de banda larga, fixada anteriormente. No entanto, para já não avança com novo objectivo.

Um dos programas que a PT está a potenciar é o PT Escolas, que será apresentado no próximo dia 19 de Abril.

Outras Notícias
Publicidade
C•Studio