Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Queda no consumo de electricidade não levará REN a reduzir investimentos

A REN Redes Energéticas Nacionais não vai alterar o seu plano de investimento devido a uma queda na procura de electricidade num contexto de recessão global.

Negócios negocios@negocios.pt 29 de Maio de 2009 às 17:20
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...
A REN Redes Energéticas Nacionais não vai alterar o seu plano de investimento devido a uma queda na procura de electricidade num contexto de recessão global.

“O nosso plano de investimento é irrevogável”, comentou Aníbal Santos, administrador executivo da REN, numa entrevista à Bloomberg após uma conferência em Lisboa. “Com este tipo de infra-estrutura pesada para a electricidade, gás e água, os investimentos têm sido feitos a pensar na procura nos próximos 20 anos”, acrescentou.

A REN planeia investir 2,5 mil milhões de euros até 2014 para criar novas ligações eléctricas com Espanha, numa altura em que Portugal e Espanha desenvolvem um mercado de electricidade ibérico.

Além disso, a empresa liderada por José Penedos está a alargar as ligações a novas barragens, centrais movidas a gás e parques eólicos em Portugal, já que as “utilities” estão a tentar aumentar a capacidade de geração com unidades que emitam menos dióxido de carbono do que centrais movidas a carvão e petróleo.

“Demora muitos anos a concluir a construção de uma rede ou de uma instalação de armazenamento”, afirmou Aníbal Santos. A REN está também a expandir o seu terminal de gás natural liquefeito em Sines.

O consumo de electricidade em Portugal deverá cair 1,6% este ano, menos do que a queda de 4% prevista para Espanha, referiu no passado 8 de Maio a EDP.

As acções da REN desceram 5,97% para 2,93 euros.

Ver comentários
Outras Notícias