Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Ramalho espera investir 80 milhões em três anos na digitalização do Novo Banco

O Novo Banco tem quatro pilares para crescer no seu negócio. "Todos custam investimento", segundo António Ramalho. O digital exige 80 milhões.

Diogo Cavaleiro diogocavaleiro@negocios.pt 25 de Setembro de 2018 às 12:45
  • Assine já 1€/1 mês
  • 3
  • ...

O Novo Banco deverá investir, nos próximos três anos, cerca de 80 milhões de euros no processo de digitalização, segundo revelou o presidente executivo António Ramalho.

Na conferência de imprensa "Banca do Futuro", que se realizou esta terça-feira, 25 de Setembro, o líder do Novo Banco ressalvou que esse processo passa não só pelos sistemas internos mas também nos produtos a vender. "Tudo isso obriga a novo conceito de pessoas. De configuração de cultura da instituição", continuou Ramalho.

Segundo relatou Ramalho, o Novo Banco tem aproveitado a experiência do Banco Best "para aprender quais as características com uma plataforma aberta de operar clientes que operam sob princípio do remoto".

Para o líder da instituição financeira, detida em 75% pela Lone Star e em 25% pelo Fundo de Resolução, há quatro pilares de crescimento para o seu negócio: processos de tecnologias da informação; talento e mérito; gestão de risco e modelo de distribuição.

"Todos custam investimento. Todos obrigam a reflexão estratégica", frisou, na conferência organizada pelo Negócios. 

O Novo Banco contratou recentemente um novo responsável precisamente focado na área digital, vindo da McKinsey, João Dias.

Ver comentários
Saber mais António Ramalho Novo Banco digitalização
Outras Notícias