Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Receitas da Euronext caem 1,5% no terceiro trimestre

As receitas da Euronext caíram 1,5% no terceiro trimestre devido a uma queda na negociação de acções e de derivados. A redução de posição da bolsa na Clearnet também contribuiu para a queda das vendas.

Sara Antunes saraantunes@negocios.pt 12 de Novembro de 2004 às 09:55
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

As receitas da Euronext caíram 1,5% no terceiro trimestre devido a uma queda na negociação de acções e de derivados. A redução de posição da bolsa na Clearnet também contribuiu para a queda das vendas.

As vendas caíram para 211,86 milhões de euros, o que compara com 215,19 mil milhões registados no mesmo período homólogo, anunciou hoje a Euronext em comunicado. Os analistas consultados pela Bloomberg esperavam que as receitas recuassem para 209,9 milhões de euros.

As receitas da Euronext provenientes do negócio de transacções bolsistas, cobrando uma comissão aos negociantes de títulos, caíram para 34,98 milhões de euros face a 47,04 milhões de euros. Os analistas esperavam receitas de 33,6 milhões de euros.

As vendas de derivados recuaram para 72,2 milhões de euros o que compara com 76,32 milhões arrecadados no mesmo período do ano passado. Os analistas previam que ascendesse a 74 milhões.

As receitas provenientes de «clearing» caíram para 9,1 milhões de euros, face a 10,4 milhões registados anteriormente. A Euronext reduziu a sua posição de 80% na Clearnet para 41,5%.

A Euronext concentra as bolsas de Lisboa, Paris, Bruxelas, Amesterdão e a Euronext.liffe, a segunda maior bolsa de derivados da Europa.

Ver comentários
Outras Notícias