Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Regulador aprova compra da Suddenlink pela Altice

O regulador do sector de telecomunicações dos EUA deu ‘luz verde’ à aquisição da Suddenlink pela dona da Meo. A compra da Cablevision ainda não foi aprovada, mas caso avance coloca a Altice como o quarto maior operador dos EUA.

Sara Ribeiro sararibeiro@negocios.pt 18 de Dezembro de 2015 às 20:40
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

O regulador da área de telecomunicações dos EUA deu luz verde à venda da operadora Suddenlink à Altice, dona da PT Portugal.

 

O acordo para a aquisição da operadora norte-americana sediada em St. Louis, anunciado em Maio, avalia a empresa em 9,1 mil milhões de dólares, colocando-a na sétima posição do ranking das maiores empresas de serviços por cabo dos Estados Unidos.

 

De acordo com a decisão do regulador norte-americano citada pela Reuters, a Federal Communications Commission em inglês, a operação não coloca entraves concorrenciais.

 

Com esta aquisição, o grupo fundado por Patrick Drahi, deu o primeiro passo nos EUA. Passados pouco meses, em Setembro, a Altice voltou às compras no mercado norte-americano, tendo adquirido a Cablevision, por 17,7 mil milhões de dólares.

 

Esta operação ainda não teve ‘luz verde’ do regulador norte-americano, mas caso se concretize coloca a Altice como o quarto maior operador dos EUA.

 

A actividade da Cablevision, fundada pela família Dolan, centra-se em Nova Iorque, New Jersey e Connecticut e tem três milhões de clientes residenciais e empresariais. A Suddenlink tem 1,5 milhões de clientes em 17 estados.

 

A dona da Meo também esteve interessada na Time Warner Cable, no entanto, perdeu a corrida para a norte-americana Charter Communications, de John Malone.

Ver comentários
Saber mais Altice PT Portugal Meo Suddenlink Cablevision Charter Time Warner Cable Patrick Drahi Dolan
Outras Notícias