Automóvel Renault aumenta vendas em 50% e vendas das marcas de luxo voltam a disparar

Renault aumenta vendas em 50% e vendas das marcas de luxo voltam a disparar

O crescimento na venda de automóveis voltou a ser liderado em Abril pela Renault, com a marca francesa a aumentar o número de veículos comercializados em mais de 50%. A Volkswagen continua a perder quota de mercado e as vendas das marcas de luxo continuam em forte alta.
Renault aumenta vendas em 50% e vendas das marcas de luxo voltam a disparar
Ryan Merrill
David Santiago 03 de maio de 2017 às 18:31

A fabricante francesa Renault continuou a liderar as vendas de veículos automóveis ligeiros em Abril, com um crescimento homólogo de 52,8% para um total de 1.890 unidades comercializadas. Em segundo lugar surge outra marca gaulesa, a Peugeot que vendeu 1.445 veículos ligeiros, mais 21,5% do que em igual período do ano passado.

 

Os dados revelados esta quarta-feira, 3 de Maio, pela Associação Automóvel de Portugal (ACAP) confirmam ainda a tendência de perda de quota de mercado da Volkswagen. A marca alemã registou uma quebra homóloga de 2,9% em Abril, com 1.549 unidades vendidas, sendo que a Volkswagen continua a ocupar a última posição do pódio das mais vendidas em Portugal.

 

Pela mesma ordem, estas são também as marcas mais vendidas entre Janeiro e Abril de 2017, sendo que nestes quatro meses as vendas da Volkswagen acumulam uma quebra de 3,4% comparativamente com igual período do ano passado.

 

As vendas de automóveis e desportivos de luxo também voltaram a disparar em Abril. O destaque vai para a Ferrari com um aumento homólogo de 300%, passando de uma unidade vendida em Abril de 2016 para quatro no mês passado.

 

A Porsche (+120%), que passou de cinco para 11 veículos, a Aston Martin (+100%), de um para dois, e a Maserati (+50%) , de dois para três, também voltaram a registar aumentos de vendas em Abril relativamente ao período homólogo.

 

A tendência de aumento nas vendas destas fabricantes de automóveis de luxo é verificável de forma mais notória se observados os primeiros quatro meses deste ano. A Porsche vendeu 75 veículos, a Aston Martin comercializou sete e a Maserati vendeu 22, números que comparam com 40, três e 13 unidades comercializadas no período homólogo. Já a marca do "cavalo rampante" regista um aumento homólogo de apenas 14,3% nas vendas realizadas entre Janeiro e Abril de 2017, passando de sete no ano passado para oito veículos vendidos. 

O total de automóveis vendidos em Abril também cresceu, tendo registado uma variação homóloga de 17,9% em Abril, elevando para 6,2% o crescimento verificado entre Janeiro e Abril relativamente a igual período de 2016. 




pub

Marketing Automation certified by E-GOI