Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Renault lidera em Portugal

A construtora automóvel francesa Renault reafirmou-se como líder de mercado em Portugal, em 2005, com a venda de 38.903 veículos. A marca conseguiu alcançar uma quota de mercado de 14,2%, reforçando a liderança no segmento dos veículos ligeiros de passage

Carla Pedro cpedro@negocios.pt 09 de Janeiro de 2006 às 18:33
  • Partilhar artigo
  • ...

A construtora automóvel francesa Renault reafirmou-se como líder de mercado em Portugal, em 2005, com a venda de 38.903 veículos. A marca conseguiu alcançar uma quota de mercado de 14,2%, reforçando a liderança no segmento dos veículos ligeiros de passageiros e mantendo a tradicional supremacia nos comerciais ligeiros.

Globalmente, o mercado cresceu 1,6%, devido ao mercado de veículos de passageiros, que registou um acréscimo de 3%.

No segmento dos veículos ligeiros de passageiros, a Renault atinge novamente o primeiro lugar – sendo de salientar o lançamento do Clio III - , com uma quota de mercado de 13,8%.

De assinalar as boas performances do Clio Societé e do Kangoo Express, que valeram ao construtor francês o primeiro lugar no segmento de veículos comerciais ligeiros, com uma quota de mercado de 15,4%, num mercado que registou uma quebra de 2,1%. A marca obteve um crescimento de 0,6% em volume face a 2004.

De acordo com a empresa, este desempenho ficou a dever-se aos «excelentes níveis de aceitação» que toda a sua gama continuou a merecer por parte do mercado, em especial devido ao grande sucesso do lançamento do novo Clio que, em pouco tempo, já vendeu 2.194 unidades.

De registar que o segmento B foi liderado pelo Clio em conjunto com o Modus, com 12,9%, enquanto o segmento C foi liderado com 19,1% pelo Mégane, em conjunto com o Scénic, registando um total de vendas de 15.522 unidades.

A Renault pretende prosseguir com a sua política comercial selectiva em 2006, privilegiando os canais de venda mais rentáveis, num mercado cada vez mais concorrencial, continuando a apostar na qualidade e inovação dos seus produtos, na sua segurança e na qualidade dos serviços e atendimento a cliente.

Ver comentários
Outras Notícias