Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Restrições à mobilidade ditam prejuízos de 11,5 milhões à IP

A contribuição do serviço rodoviário, principal receita da IP que incide sobre gasolina, gasóleo e GPL, diminuiu 12 milhões até março. Nas redes ferroviária e rodoviária o investimento limitou-se a 36% do previsto.

A IP, liderada por António Laranjo, pagou 405,2 milhões até março às concessões e subconcessões.
A IP, liderada por António Laranjo, pagou 405,2 milhões até março às concessões e subconcessões. Pedro Catarino
Maria João Babo mbabo@negocios.pt 03 de Junho de 2020 às 22:51
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

A Infraestruturas de Portugal (IP) registou no primeiro trimestre deste ano um resultado líquido negativo de 11,5 milhões de euros, o que representa menos 31,7 milhões face ao mesmo período de 2019, quando apresentou lucros da ordem dos 20 milhões.

...

Negócios Premium
Conteúdo exclusivo para assinantes
Já é assinante? Inicie a sessão
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone
  • Conteúdos exclusivos com melhor da informação económica nacional e internacional;
  • Acesso sem limites, até três dispositivos diferentes, a todos os conteúdos do site e app Negócios, sem publicidade intrusiva;
  • Newsletters exclusivas;
  • Versão ePaper, do jornal no dia anterior;
  • Acesso privilegiado a eventos do Negócios;
Ver comentários
Saber mais IP Portugal Infraestruturas
Mais notícias Negócios Premium
+ Negócios Premium
Capa do Jornal
Informação de qualidade tem valor. Invista. Assine já 1mês / 1€
Mais lidas
Outras Notícias