Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Ricardo Salgado recusa falar sobre a sua sucessão à frente do BES

“Não vou falar sobre a sucessão", avisou Ricardo Salgado, adiando o assunto “lá mais para a frente”. Sobre a possibilidade de António Mexia o suceder, o CEO do BES afirmou apenas ter uma “grande consideração” pelo presidente executivo da EDP. Salgado recusou dizer se vai manter o mandato de presidente do BES até ao fim.

A carregar o vídeo ...
Maria João Gago mjgago@negocios.pt 13 de Fevereiro de 2014 às 19:36
  • Partilhar artigo
  • 9
  • ...

Ricardo Salgado recusou esta quinta-feira, 13 de Fevereiro, falar sobre a sua sucessão à frente do Banco Espírito Santo. “Não vou falar sobre a sucessão. É um assunto entre accionistas e nós estamos aqui na nossa função executiva", disse o banqueiro, que admitiu falar sobre o assunto "lá mais para a frente". 

 

"O que posso garantir é que toda a equipa do grupo e do BES está empenhada em levar este barco para a união bancária incólume", disse Ricardo Salgado. 

 

O presidente executivo do BES não comentou as declarações de Ricardo Abecassis Espírito Santo Silva, presidente do Espírito Santo Investment Bank Brasil, que ontem se mostrou disponível para suceder a Ricardo Salgado na presidência do BES, caso os accionistas o apoiem para o cargo.

 

"Estou sempre disponível aos desafios que se me apresentem, se os accionistas assim o quiserem", afirmou Ricardo Abecassis Espírito Santo Silva.

 

Sobre Ricardo Abecassis Espírito Santo Silva, Salgado disse apenas que "é um excelente banqueiro está a fazer um óptimo trabalho".

 

Questionado sobre um eventual convite a António Mexia para lhe suceder no cargo, Salgado disse que tem uma "grande consideração" pelo actual presidente da EDP, de quem é "amigo" mas recusou-se a comentar a questão.

 

Ricciardi: “Não tenho nada a acrescentar”

 

José Maria Ricciardi, presidente do BES Investimento, também recusou comentar a sucessão do seu primo Ricardo Salgado na liderança do Banco Espírito Santo

 

“Não comento estas declarações. Em Novembro fiz uma declaração conjunta com Ricardo Salgado sobre este assunto [da sucessão] e não tenho mais nada a acrescentar”, quando questionado sobre a possibilidade de suceder a Ricardo Salgado.

 

Ver comentários
Saber mais Ricardo Salgado Banco Espírito Santo BES Ricardo Abecassis Espírito Santo Silva António Mexia José Maria Ricciardi economia negócios e finanças serviços financeiros banca
Outras Notícias