Banca & Finanças Santa Casa e outras IPSS deverão comprar 2% do Montepio por 50 milhões

Santa Casa e outras IPSS deverão comprar 2% do Montepio por 50 milhões

O investimento da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa e outras IPSS vão comprar 2% do Montepio, numa operação que representa um investimento de 50 milhões de euros, avança o Eco.
Santa Casa e outras IPSS deverão comprar 2% do Montepio por 50 milhões
Negócios 13 de março de 2018 às 07:57

A Santa Casa da Misericórdia de Lisboa e outras instituições particulares de solidariedade social (IPSS) vão comprar um total de 2% do Montepio por 50 milhões de euros, revela o Eco esta terça-feira, 13 de Março. A publicação adianta que o negócio está praticamente concluído, não se sabendo como ficará distribuída esta percentagem do capital.

 

O valor deste negócio está relacionado com a avaliação da Caixa Económica Montepio Geral, que é de 2,4 mil milhões de euros.

 

O valor do investimento está em linha com o que o Negócios já tinha noticiado e que apontava para que o negócio estivesse a ser trabalhado de forma a não pesar nas contas da associação mutualista, tendo em vista precisamente a avaliação de 2,4 mil milhões de euros.

 

O Negócio também já tinha avançado que o investimento da Santa Casa e de outras IPSS seria simbólico. Tendo em consideração que um dos objectivos era o de esta entrada no capital do Montepio não pesar nas contas da mutualista, a percentagem de capital também seria pequena. A 1 euro por acção, um investimento de 10 milhões de euros não chega a representar 0,5% do capital da caixa económica. E os investimentos estarão abaixo desses montantes.

Numa carta que o presidente da União das Misericórdias Portuguesas, Manuel Lemos, enviou àquelas instituições, era recomendado, às que quisessem, um investimento simbólico a oscilar entre os 1.000 e os 10.000 euros, segundo noticiado pelo Jornal Económico. 




pub