Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Santana Lopes deixa dívidas de 100 milhões na Câmara de Lisboa.

A Câmara Municipal de Lisboa enfrenta sérias dificuldades financeiras, com dívidas de 100 milhões de euros a fornecedores, que se devem, em grande parte, a um aumento abrupto da despesa e à incapacidade da autarquia, agravada nos últimos dois anos - perío

Negócios negocios@negocios.pt 21 de Julho de 2004 às 08:29
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

A Câmara Municipal de Lisboa enfrenta sérias dificuldades financeiras, com dívidas de 100 milhões de euros a fornecedores, que se devem, em grande parte, a um aumento abrupto da despesa e à incapacidade da autarquia, agravada nos últimos dois anos - período que corresponde à presidência de Pedro Santana Lopes -, de gerar receitas com bens de investimento, noticiou o jornal Público.

O novo presidente da CML, Carmona Rodrigues, está «ciente e preocupado com o problema». A oposição considera a situação actual «muito grave».

«A CML transitou do ano passado com uma dívida de cerca de 100 milhões de euros a fornecedores e a percepção que temos é a de que a situação financeira, que já não era famosa no ano passado, se agravou neste primeiro trimestre. Pensamos que primeira preocupação de Carmona Rodrigues será a tentar saldar essas dívidas, pelo menos em parte, e perceber se as contas serão equilibráveis até ao final do ano», disse ao Público o vereador socialista Vasco Franco.

Outras Notícias