Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Se a KPMG cometeu irregularidades pode ser inibida de exercer funções

Amadeu Ferreira afirmou esta tarde que se for provado que a empresa de auditoria KPMG cometeu irregularidades pode ser alvo de contra-ordenação, inibição de funções ou procedimentos.

Maria João Gago mjgago@negocios.pt 06 de Maio de 2008 às 21:07
  • Partilhar artigo
  • ...

Amadeu Ferreira afirmou esta tarde que se for provado que a empresa de auditoria KPMG cometeu irregularidades pode ser alvo de contra-ordenação, inibição de funções ou procedimentos.

Se a KPMG tiver cometido irregularidades pode ser alvo de contra-ordenação, inibição de funções ou procedimentos contra a sociedade, afirmou o vice-presidente a Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

"É uma questão importante. A investigação está a levar tempo devido ao melindre da situação", acrescentou o responsável em declarações perante a comissão parlamentar de inquérito à supervisão financeira.

Amadeu Ferreira acrescentou que "nenhuma das contas ‘off shore’ [do BCP] tinha relevância suficiente para ser chamada para esse tipo de auditoria" externa.

Ver comentários
Outras Notícias